HomeBlogDepressãoO que é depressão?
Ref.: POST07
O que é depressão?
O que é depressão?
Zoom O que é depressão?

O que é depressão?

ou 1x de R$ 0,00 em todos os cartões
Saiba o que é, como acontece e quais providências tomar quando descobrir a depressão
Comprar Compra Segura e entrega Garantida

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a depressão é um transtorno mental frequente no mundo, á principal causa de incapacidades pessoais, relacionais e sociais.

Diferente das variações de humor cotidianas, ela é uma condição vivida por tempo prolongado com vivências de humor deprimido, perda de interesse e prazer, cansaço, ansiedade, irritabilidade, distúrbio do sono e baixa autoestima, com grande sofrimento para a pessoa e seus próximos.

Engana-se quem pensa a depressão como preguiça/descuido. Sua condição é influenciada por fatores sociais, psicológicos e biológicos que interferem no contexto de vida e de lidar com a vida, o que inclui violências, conflitos sociais e crises econômicas/políticas.

Em quem se manifesta a Depressão

A depressão cada vez mais tem sido manifestada em diversas fases da vida (infantil, adulta e velhice) e em pessoas de classes sociais, por exemplo, distintas, o que deixa claro que independentemente se pertence à alta sociedade ou não, se possui nível escolar superior ou não, se tem bens materiais ou não, corre-se o risco de ser “afetado” por esta doença que ora se manifesta com mais intensidade e ora não.

Diferente de episódios de tristeza, nos quais é comum a pessoa se sentir amargurada por viver dificuldades econômicas, morte de alguém querido, frustação no trabalho etc., e que ainda assim tem condições de lidar com as circunstâncias e encontrar uma alternativa melhor para viver.

Muitos casos não são diagnosticados e acompanhados por falta de recursos e de profissionais preparados, além da presença do preconceito com os transtornos mentais. Essa realidade preocupa os profissionais de Saúde e de Saúde Mental, pois, sem tratamento, os sintomas podem se agravar.

Como tratar a Depressão

Após o diagnóstico, o tratamento consiste em acompanhamento médico periódico e, paralelamente, ocorre a psicoterapia, que costuma ser muito eficaz nos quadros mais leves dispensando o uso de medicação nesses casos. Já quando o quadro depressivo é caracterizado de maior gravidade, geralmente quando compromete o bem estar da própria pessoa e/ou com quem convive, a utilização de antidepressivos se faz necessária mediante prescrição médica.

Para que a eficácia do tratamento tenha maior chance de acontecer, é importante que o diagnóstico seja precoce, o que diminuirá mais rapidamente o sofrimento do paciente. Portanto, se você se sente muito triste, desanimado, sem prazer de viver, procure ajuda profissional, quanto antes tiver auxílio, mais rápido poderá retomar a vida que vivia.